Sunday, 4 May 2014

STAN SMITH


Se 2011 foi o ano em que as sapatilhas compensadas Isabel Marant conquistaram o mundo, 2012 foi dominado pelas Nike Air Max e 2013 teve como inspiração o universo de sapatilhas skater lançado pela Celine, 2014 é sem dúvidas o ano (do retorno) das clássicas Adidas Stan Smith - numa viagem nostálgica de volta à nossa juventude.

Este modelo foi criado pela Adidas nos anos 70 para o tenista Stan Smith e tornou-se um ícone da marca. As imagens da Phoebe Philo (directora criativa da Celine) com as suas Stan Smith nos bastidores do desfile da última Paris Fashion Week correram mundo e tornaram estas as sapatilhas do momento no mundo da moda. Como ela é provavelmente  a minha designer favorita fiquei alerta - eu e o mundo inteiro. O estilo sport-chic, potenciado pelo boom de peças como sweatshirts e jogging pants e matérias primas como felpas e neoprene, ganhou uma nova estrela.

Sempre fui uma super fã de sapatilhas -eu sei que uns saltos de 9 ou 10 cm (que é o máximo que consigo) me dão uma postura muito mais elegante mas infelizmente os meus pés não os suportam com frequência (a tolerância à dor foi definitivamente toda para a minha irmã gémea, que durante anos só faltava ir fazer jogging de stilettos).
Passei as últimas semanas a ponderar comprar umas Converse All Star brancas para este Verão (é nestas alturas que perguntamos porque é que não as guardámos há 20 anos!), mas não resisti e troquei-as por umas Stan Smith - verdes, que quanto mais clássico melhor. 
Não foi tarefa fácil encontrá-las, já que as básicas em pele branca e camurça verde praticamente não existem em lado nenhum em tamanhos pequenos. Encontrei sim em várias lojas a versão em pele gravada com textura cobra - para quem tem um estilo mais clássico ou sofisticado são perfeitas.

Quanto ao melhor look para vestir com as Stan Smith este verão, não há que enganar: top ou t-shirt branca (com pequeno detalhe) + denim (jeans boyfriend com rasgos, skinny capri ou calções relaxed fit) + acessórios (muitos e coloridos). 
Moodboards images from: thesartorialist | stockholmstreetstyle | camilleovertherainbow | theliquorstore | pinterest | zara

Wednesday, 30 April 2014

DESTROYED JEANS

Começámos por ver, há algumas estações, jeans com pequenos rasgos ou um pouco desfiados. Do que agora estamos a falar é mesmo de calças MUITO rasgadas, com  grandes rotos nos joelhos. Para mim, que sempre fui super fã de calças destroyed e de fits boyfriend, é ouro sobre azul, mas sei que não será fácil para toda a  gente (em anos foi a primeira vez que ouvi a minha mãe dizer "Filha não gosto nada disso!!)". 

Mas a verdade é que as calças (super) rasgadas são uma das grandes tendências denim deste verão. Deixaram de ser exclusivas de mulheres com look rebelde ou estilo rock’n roll e passaram a ser combinadas com peças mais formais ou até clássicas - como uma boa camisa branca ou um top de renda preto.
Se optar por um fit skinny (calças justas) pode combinar com sandálias rasas ou até sapatilhas, mas se preferir um fit tipo boyfriend o melhor é conjugar com sapatos de salto alto para equilibrar a silhueta. A melhor opção é combinar com uma parte de cima básica para não ficar com muita informação no look, e apostar em acessórios como maxi colares, muitas pulseiras e uma boa cluch.
No entanto, a não ser que trabalhe num sitio “fashion friendly”, será uma tendência a evitar no local de trabalho. Já nos tempos livres, é perfeita para um look bem descontraído e super actual. 
Onde encontrar? As mais acessíveis no sítio de sempre (=Zara), as mais famosas no Net-a-Porter, outras tantas na Asos.
Moodboards images: theyallhateus | pinterest | imnext.se/lisaplace | chicy.se | stockholmstreetstyle

Sunday, 6 April 2014

BRUSHSTROKES

Começo por vos trazer aquela que é para mim a mais forte inspiração desta estação primavera-verão 2014: marcas como Prada, Chanel, Celine ou Jean-Charles de Castelbajac inspiraram-se em movimentos artísticos avant-gard do início do séc.XX - do Surrealismo ao Cubismo, de Matisse a Dali.
E vamos começar pela colecção da Celine, não só por ser uma das minhas marcas preferidas, mas pela força e imprevisibilidade da colecção que apresentou e que serviu de inspiração às mais variadas marcas de massa (Zara, Mango, etc).
Nesta colecção da Celine, Phoebe Philo inspirou-se nas fotografias de rua e arte urbana de Paris do famoso fotógrafo Brassai. Vestidos, saias e t-shirts tornam-se telas pintadas com fortes, abstractas e deliberadas pinceladas em cores primárias. 
Estando habituados num passado recente às colecções da Celine mais rígidas, neutras e tom sobre tom, a explosão gráfica desta colecção faz-nos sem dúvida vibrar - ou se adora ou se odeia.

Esta inspiração reflectiu-se em várias marcas, de forma mais ou menos directa. Aqui ficam alguns exemplos de peças estampadas em efeito mancha ou pincelada. O resultado são looks super fortes, em que o estampado e as cores assumem todo o destaque do coordenado,  por isso para usar qualquer uma destas
peças combine-as com acessórios  neutros e um cabelo liso ou apanhado.


Images from: style.com, zara.com, mango.com

Tuesday, 1 April 2014

BACK

Estaremos de volta. Em breve. Até já. 
...
We'll be back. Soon.
...

Et-Marie friends

There was an error in this gadget